Como Cuidar da Pele Facial? DICAS IMPORTANTES

Se você deseja compreender como cuidar eficientemente da sua pele, é só descer mais um pouquinho que a gente já vai te ensinar.


A região do rosto é a que está sempre em constante exposição, por isso é importante saber Como Cuidar da Pele Facial, já que é o primeiro tipo de contado visual ao se conversar com uma pessoa. Consequentemente, é sempre bom manter a pele saudável. O rosto está suscetível a sofrer alterações tais como: rugas, flacidez, acnes, espinhas, manchas etc… e se você pensa que isso é uma questão de fases da vida, saiba que estás muito enganada!

Quaisquer uns desses sintomas podem aparecer no seu rosto em qualquer período da sua vida, até mesmo as rugas, se você ainda for nova – se engana quem pensa que as rugas só aparecem em pessoas mais velhas.

Por isso é sempre bom você tomar os devidos cuidados para com a sua pele independente da sua idade. Cuidar da sua pele agora evita desconfortos futuros. Se você faz parte do time que é um pouco descuidada na hora de cuidar da saúde da pele, descubra o que você poderá fazer para melhorar nesse quesito.

Saiba qual seu tipo de pele

Primeiro de tudo saiba qual o seu tipo de pele para saber como tratá-la. Não vá na onda daquele produtinho que está na moda ou que sua amiga recomendou. Entenda que cada produto é feito para um tipo de pele específica e cada produto age diferentemente em cada rosto. O mesmo produto “milagroso” não irá fazer efeito em sua pele se ele não for próprio para o seu tipo, pelo contrário; poderá agravar ainda mais o problema. Poderá deixar sua pele ainda mais oleosa, ou com mais espinhas ou manchada. Sempre fique a par do produto que você pretende comprar. Pesquise sobre suas substâncias e o que as compõe.

Esse é o passo inicial e primordial para saber como cuidar da pele, porque assim você estará se utilizando de produtos específicos para você e, como consequência, te trará resultados mais benéficos e satisfatórios.

Respeite a natureza da sua pele e forneça aquilo que ela necessitar. Uma pele oleosa não tem as mesmas necessidades de uma pele seca. Opções erradas podem trazer efeitos contrários dos quais você deseja.

Conheça as variações da sua pele

Vejo muita gente reclamando que um produto, depois de ser usado constantemente, deixa de dar aquele resultado que obtinha antigamente devido ao fato de o corpo já ter se acostumado com determinado produto. Salvo em algumas situações específicas, o que acontece não é exatamente isso.

O que, na verdade, pode estar acontecendo, é que você obtém uma pele de tipo “misto”. Isso mesmo, esse tipo de pele também existe. Você não está limitada a somente ter uma pele tipo A ou tipo B, você pode ter esses dois tipos pele.

Geralmente quem tem esse tipo de pele consegue enxergar as diferenças quando ocorre alguma variação climática. Frequentemente se escuta que a pele é seca no inverno e oleosa no verão. Isso pode não ser uma verdade universal que se aplique genericamente, mas é a realidade de muita gente. Isso se dá devido às variações de hormônios que produzem o óleo natural.

O indicado é você ficar atenta às mudanças da sua pele e ter noção que nem sempre essa “mudança” será decorrente de alguma intempérie. Pode ser somente algum tipo natural de desvio. Então esteja sempre preparada para essas duas situações da pele. Tenha produtos situacionais. Observe as necessidades da sua pele e dê a ela o que é necessário.

Saiba também que a pele pode ser muito variável, podendo ter mais de um agrupamento de texturas num único rosto só. Por exemplo, sua pele pode ser mais oleosa na parte da testa e mais seca na parte dos lábios. O que é totalmente normal, você só tem que tomar cuidados específicos nessas áreas.

Sabonete

Devo utilizar o mesmo sabonete que lavo o corpo para ensaboar o rosto?

Tenha cuidado na hora de escolher o sabonete que você irá utilizar para limpar sua pele. Saiba que a sabonete que você compra para ensaboar o rosto não deve ser o mesmo para o rosto. Deve-se ter sabonetes específicos para cada região do corpo. Comumentemente as pessoas optam por sabonetes que exalam algum tipo de aroma para usar na pele do corpo, mas pode ser que esse mesmo sabonete seja prejudicial para a pele do rosto, tendo em vista que ela é muito mais sensível. O apropriado é se ter um sabonete neutro ou suave para realizar uma limpeza saudável.

Um erro que algumas pessoas cometem é lavar demasiadamente. Segundo dermatologistas, o recomendável é ser feito duas vezes por dia, no máximo. Uma vez pela manhã, ao acordar, e uma à noite, para limpar toda a poluição atmosférica aderida na pele durante aquele dia. Um sabonete facial é muito mais eficaz para remoção de peles mortas e resíduos acumulados durante o dia do que um sabonete para pele corporal.

Opte sempre por um sabonete facial, seja ele líquido ou em barra.

Filtro solar

Acredito ser de conhecimento geral que há diversos fatores externos que influenciam na saúde da pele, e um desses fatores é a queimação solar. Essa é uma dica que na verdade deveria ser aplicada para todas as pessoas, já que o excesso de luz solar no rosto pode causar doenças graves, como o câncer. Mas mesmo não sendo num grau tão elevado e de grande seriedade, o excesso de raios solares também pode prejudicar a pele em outros sentidos.

É bom ter conhecimento de que tanto a falta quanto o excesso pode ser danoso. O que estou querendo dizer aqui não é para abdicar totalmente do sol, não é isso! Você tem que achar um ponto de equilíbrio, onde não sofrerá danos negativos.

É de sabedoria comum que o sol ativa a vitamina D no corpo, e para tanto, é de suma importância à exposição ao sol. Então procure balancear no uso do filtro solar, não use de mais e nem de menos. Se você realmente deseja um contentamento com sua pele, procure tomar um banho de sol de uns 30 minutos diários – ou quantos julgar necessário, conforme a necessidade da sua pele. Mas não abuse muito, faça uso regular e consciente do filtro solar.

Zonas Frágeis

Tome um cuidado redobrado com algumas áreas mais sensíveis do seu corpo. A pele facial por si só já é bastante melindrosa, mas há regiões que merecem um pouquinho mais de atenção, pois é onde, geralmente, os produtos deixam de ser aplicados ou não tem tanta eficácia.

As zonas do rosto como o contorno dos olhos e os lábios tem uma pele mais fina e frágil, por isso seria uma boa escolha investir em produtos específicos para essas regiões do corpo. Os lábios podem sofrer de ressecamento, especialmente em épocas de frio. Opte por sempre andar com uma manteiga de cacau ou algum semelhante que reconstitua a pele labial. Tal como os lábios, eleve sua atenção para o contorno dos olhos, o que nos leva para outra superdica:

Já que os lábios são uma das zonas frágeis, esteja sempre preparada contendo uma manteiga de cacau na bolsa.

Tire a maquiagem

Por mais que você chegue exaurida em casa, faça um esforço para ao menos conseguir retirar a make. Evite ao máximo dormir com o rosto repleto de maquiagem, isso irá fazer com que seu rosto não fique repuxado ou viçoso, além de te poupar de um possível crescimento de uma espinha. Não se esqueça de sempre utilizar um demaquilante fisiológico especialmente criado para tratar da epiderme com suavidade.

Se mesmo sabendo disso você chegar extremamente cansada e sem forças para limpar sua make, tente ao menos retirar a maquiagem que compõe os olhos e ao entorno, porque é a parte facial mais delicada.

Mesmo com aquele cansaço, procure ao menos retirar a maquiagem da região dos olhos.

E na hora de fazer a maquiagem?

Muito se fala que para uma saúde ideal deve-se sempre retirar a maquiagem antes de cair na cama.  Mas e na hora propriamente dita de realizar a make, como deve ser os cuidados para evitar frustrações futuras?

Para manter a pele com o mínimo de dano nocivo possível, antes de realizar todo o processo da maquiagem, lave bem o rosto com água e sabonete neutro. Caso você tenha alguma espinha na pele que deseja cobrir, use um secativo no local desejado ou senão um produto de tratamento que você já faz uso. Deixe a pele absorver tudo antes de passar para a próxima etapa – o que não demorará muito, pois a pele realiza esse processo rapidinho. Feito isso, aplique o filtro solar e, por cima, a maquiagem.

Lembre-se que você sempre poderá adaptar a sua realidade. Há quem prefira se utilizar de algum creme hidratante antes de fazer esse processo todo, o que também pode ser feito. Ou, se você preferir, utilize maquiagens que ao mesmo tempo em que disfarçam alguns defeitos da pele, corrigem-no e hidratam.

Caso você ainda não tenha total noção do seu tipo de pele, opte por um tipo de maquiagem hipoalérgica, que abrange um leque grande de peles sensíveis. Isso evitará transtornos futuros de alguma maquiagem que você tenha alergia e não saiba. Também irá contribuir positivamente com o seu rosto, pois evitará inchaços, coceiras ou irritações.

Limpar, tonificar, hidratar e esfoliar

Limpar

A limpeza de pele deve ser feita durante dois períodos do dia; de manhã e à noite, e isso tem uma boa explicação. De manhã porque assim, desde logo cedo, o rosto estará mais suscetível a receber o nutriente do sol, por exemplo, ou de outros fatores, como um creme hidratante etc. E à noite porque você irá retirar todo o excesso e acúmulo de sujeira acarretada durante o dia. Você pode usar a técnica de “água de rosas” que foi falado aqui no blog.

Tonificar

Um tônico pode ser utilizado como limpador facial, já que ele permite e completa remoção dos resíduos deixados por outros produtos de limpeza. Mas também pode ser utilizado de forma isolada para refrescar a pele e restaurar o Ph normal, deixando os poros menos visíveis.

Hidratar

São várias as formas de hidratação existentes, se você quer ler sobre algumas delas, existe um post específico para esse assunto aqui no blog.

A hidratação é uma forma de resgatar todas as faltas de nutrientes que a pele necessita. Então é sempre bom você fazer esse procedimento ao menos uma vez por semana para garantir uma pele impecável. Você pode fazer esse procedimento de uma maneira caseira, utilizando produtos que você tem em casa, ou pode se utilizar de produtos que são vendidos especificamente para esse fim.

Esfoliar

Esfoliar a pele é sempre uma boa pedida para peles mais oleosas ou mistas, mas tenha em mente que nem todo tipo de esfoliação cai bem para todo tipo de pele. Por isso é sempre bom você pesquisar quais as esfoliações recomendadas para seu tipo de pele. Descobrindo isso, você pode utilizar e abusar do esfoliante, podendo até fazer uso diariamente, exceto em peles secas. Alguns esfoliantes – naturais ou não – podem ressecar ainda mais a pele; pode fazer uso, mas tome cuidado para não causar efeito contrário ao desejado.

Para essa aplicação, a pele tem que estar úmida. Uma vantagem da esfoliação é que ela pode ser feita durante o banho, o que poupa tempo para quem está tendo uma semana corrida. E, caso você também não tenha tempo para fazer aplicação diária, podes optar por uma esfoliação mais fortificada que irá fazer o efeito durar por pelo menos uma semana.

Máscara

Essa dica já é um tanto quanto facultativa, pois se trata de um nível mais avançado de cuidados. Ou, se você já passou por todos esses processos citados e ainda assim não obteve os resultados desejados, você pode tentar se aventurar nesse método.

Você vai achar uma infinidade de opções, mas voltando à primeira dica, conheça seu tipo de pele antes de aplicar qualquer produto no seu rosto.

Se você tem um tempo sobrando no decorrer da semana, você pode aproveitar e satisfazer sua pele com uma máscara facial. Você pode deixar a sua pele absorver todos os nutrientes por até 30 minutos, ou até mais, dependendo da máscara que você optar. Aproveite enquanto o produto faz efeito e leia aquele livro, beba um bom vinho ou escute uma boa música.

Curta o site no Facebook!